Copa do Mundo – Ano de Convocação

“Abre os meus olhos para que eu veja as maravilhas da tua lei” (Salmo 119:118)

Graça e paz, amados irmãos!

Quinta-feira passada começou a Copa do Mundo na Rússia e domingo começou para nossa Seleção Brasileira. Não sabemos, nem imaginamos, quais são as surpresas que nos aguardam nesses dias. Será que vem mais um 7×1? Vamos ser campeões esse ano? Faremos bonito dessa vez ou virá o mesmo vexame?

Enfim, muitas perguntas são feitas nesses dias, porém, a grande maioria das pessoas não estão dando importância para esta Copa, pois ficaram desacreditas desde a última, no Brasil, onde ficamos em 4° lugar.

Mas é muito bom falar sobre Convocação, afinal, todos nós somos convocados pelo Senhor para uma sublime Missão, que é pregar a Sua Palavra, a tempo e fora de tempo – “Ide por todo mundo e pregai o Evangelho a toda criatura. Quem crer e for batizado será salvo, quem não crer, será condenado” (Marcos 16:15-16).

Nesta Convocação não temos como dizer não! É um chamado a responsabilidade para uma vida repleta de compromissos e seriedade que não temos como terceirizar. Deus está convocando a Sua igreja no anseio de que faremos o melhor para Sua seara e não iremos desapontá-Lo diante deste chamado tão sublime.

Quero dizer assim, que, precisamos com urgência, arregaçarmos as mangas das nossas camisas e encararmos o adversário que vem feroz contra nós a fim de ganhar este jogo e envergonhar o time de Deus – “Porque o diabo, vosso adversário, anda bramando como leão buscando a quem possa tragar” (I Pedro 5:8). Devemos lembrar que o nosso time já é vencedor e campeão e não podemos deixar que o adversário cresça contra nós – “Mas em todas essas coisas somos mais que vencedores por aquele que nos amou” (Romanos 8:37).

Assim como o técnico de futebol espera que seus jogadores cumpram com dedicação aquilo que lhes foi passado, também o nosso Deus espera que cumpramos com tudo o que Ele tem colocado diante de nós.

Há pessoas que não se importam nem se interessam, são indiferentes as vidas frias dos que sofrem ou vidas quentes dos que se mobilizam. É preciso ter uma mobilização e deixarmos nosso coração ser aquecido pela presença de Deus em nós e fazermos a nossa parte sem esperar pelos outros. Deus chama a cada um acreditando que vamos voltar repletos de alegrias com o troféu em mãos, sabendo que “Se Deus é por nós, quem será contra nós? ”(Romanos 8:31).

Desejo que o nosso bom Deus confirme essa mensagem em seu coração e que você se sinta desafiado, convocado, assim como na missão dos 70 (Lucas 10), a fazer com perfeição aquilo que Ele tem mandado você fazer. Faça, portanto, com alegria, com amor e dedicação, lembrando que fiel é Aquele que nos chama!

Que Ele mesmo a todos nos abençoe e guarde.

Do Seu Pastor e Amigo
Lusitano Couto

Author: adm0152

Compartilhe!